sexta-feira, 30 de abril de 2010

Nana, sempre Nana

Ontem fui ver o show do Dori (Caymmi), no Espaço Tom. Os irmãos, Danilo e Nana, cantaram também.

Lindo, o show! Lindas as composições do Dori. E o que dizer da Nana? inigualável, sempre.

Um pouquinho dela aqui pra vocês:

16 comentários:

maria disse...

adoooro Nana! não posso dizer que amo tanto quanto amo a Bethânia, mas ela é, sem dúvida, uma voz única no nosso Brasil!
bjos

Helio Thompson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sayonara Salvioli disse...

Belíssimo presente para nós, seus leitores, Glória! Esta composição de Roberto e Erasmo, na voz inigualável da Nana, é mesmo um dos hinos da nossa MPB!... Algo simplesmente profundo e emocionante!!!

Odele Souza disse...

Nana Caymmy tem uma voz que sempre me encantou. Maravilhosa!

Beijos.

Helio Thompson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jalul disse...

Nana é um show de intérprete.

Biju disse...

Glória, venho em nome dos muitos fãs do seu amigo Carlos Lombardi te fazer um pedido: bota uma pilha nele, pra ele entrar no twitter!
Um beijão e obrigada pelo "lobby"... o Lombardi deixa os fãs muito carentes, sem blog, nem contato, nem nada! Ele tem muito a aprender com você (que, aliás, é uma das minhas companhias virtuais preferidas)!

Josué Oliveira - Itajaí /SC - Escritor. disse...

Oi Glória!! Um dia esse país acordará e começará a reconhecer e valorizar os seus verdadeiros mestres. Família Caymmi... "Etha" familiazinha porreta!!!

Josué Casimiro de Oliveira - Itajaí / SC - Escritor disse...

Meu nome é Josué Casimiro de Oliveira, catarinense da cidade de Itajaí, 52 anos, Professor / Pesquisador e Escritor, autor do livro "O Cavaleiro e a Rosa... viagem ao encontro da fé". Obra literária lançada no ano de 2001 pela Madras Editora/SP. Faço esta apresentação inicial porque o tema que tenho que abordar diz respeito ao seu trabalho, pelo qual tenho profundo respeito e admiração. No desenvolver da minha atividade como professor do curso de Pós-Graduação em Parapsicologia, junto ao Instituto de Parapsicologia e Ciências da Mente - Joinville/SC, onde trabalho a disciplina de "Projeciologia", sendo esta, a área do conhecimento humano que se dedica ao estudo metodológico... científico, dos eventos parapsíquicos assim denominados; Viagem Astral, Projeção Astral, Desdobramento do Duplo Etéreo, ou ainda, E.Q.M (Experiências de Quase Morte), termo usualmente utilizado pela medicina para definir o F.P.L (Fenômeno da Projeção Lúcida), em vista disto, sou convidado, com relativa frequência, a participar de conferências, simpósios e palestras relacionadas com o meu campo de atuação. Numa das últimas palestras para o qual participei atendendo a um convite do Instituto Brasileiro de Psicosíntese/SP, fui interpelado por um renomado Médico Geneticista, uma das grandes mentes que assinam o Projeto Genoma / Brasil. Seu questionamento foi colocado no momento em que falava sobre a certeza que já temos da continuidade da vida após a morte do corpo físico. Nós, pessoas que vivemos a realidade da Projeção Lúcida da Consciência para além do corpo físico, temos essa certeza, no entanto, compreendemos o ceticismo porque a experiência projetiva é um evento pessoal e intrasferível e somente quem já a vivenciou em toda a sua plenitude é capaz de absorver com serenidade essa verdade. Seu questionamento foi no sentido de que a parapsicologia apresentasse uma única prova para essa afirmação. Respondi a ele em termos técnicos para não deixar dúvidas. Foi nesse momento que lembrei do seu belo trabalho na novela "O Clone". Pedi-lhe que confirmasse ou negasse a minha afirmação: "No caso da concepção de Gêmeos Idênticos", ou, Univitelinos, o processo é o da Particição Celular, ou seja, um "único" espermatozóide fecunda um "único" óvulo que se parte dando origem a dois indivíduos idênticos... estou certo? Sim... disse ele, é correta a sua afirmação. Continuei dizendo: È correto afirmar que estes dois indivíduos carregam a mesma carga genética? Sua resposta foi: Sim, "fisicamente" estes dois indivíduos carregam a mesma carga genética... por isso são chamados de "Gêmeos Identicos". Finalizei o cheque-mate fazendo-lhe uma última pergunta: Se fisicamente os Gêmeos Univitelinos são idênticos, porque as suas "impressões digitais" são diferentes? Bem Glória! A pergunta foi feita... A resposta continua ainda continua em aberto. Durante as gravações da novela "O Clone", tentei em entrar em contato com você para lhe revelar este segredo. Eu sei a resposta, e a resposta é fantástica, misteriosa e reveladora. Colocará a ciência e a religião trabalhando lado a lado e todos compreenderão os misteriosos caminhos do Grande Arquiteto do Universo. "Deus te proteja, te dê muita força e nos permita tê-la entre nós por muitos e muitos anos. Um forte e fraterno abraço.

Vera disse...

Glória! cada vez que escuto esta música lindissima,principalmente com a interpretação da Nana não tem como não lembrar de Caminho das Indias. Quando vai sair o DVD?falta muito?
Um grande abraço

kalina morena disse...

sinto uma felicidade vaidosa de poder pensar que essa familia abencoada pelo talento da poesia e dos sons eh brasileira, como eu.
um luxo feliz!!!
abraco pra voce, Gloria.
Kalina

Matheus Braga disse...

Ter uma composição cantada por esta cantora é com certeza um Troféu... agora ter um um CD inteiro é um presente do destino, e eu tenho...!!! Sucesso...!!!
Abs. Matheus Braga...!!!
www.matheusbraga.com.br / www.montenegroeraman.com.br

Matheus Braga disse...

Lucila Novaes....Minha Professora de Canto e Piano...!!!
Abrs. Matheus Braga...!!!
http://www.youtube.com/watch?v=XD_g5x323n8

edson disse...

Hoje e o aniversario de minha mãe, uma guerreira e nada melhor que assistir esse video da nana juntinho com ela...obrigado, Gloria.

zaza barros disse...

Nana tem que ser urgentemente tombada como patrimônio histórico cultural da humanidade, pois é coisa rara!!!!

B. Ribeiro disse...

Música linda...
É meio raro um cara da minha idade gostar de músicas do gênero, mas acredite;A voz de Nana Caymmi é um manjar..