quarta-feira, 7 de maio de 2008

os presidiários também querem JUSTIÇA!


O promotor Cembranelli, pedindo a prisão preventiva do casal Nardoni, registra uma indignação que é de todos nós: porque se manda para a cadeia quem rouba um pote de margarina e se deixa na rua quem assassina uma criança?

Coisas da nossa justiça de "primeiro mundo": uma menina é assassinada brutalmente, e ao invés de estarmos discutindo violência doméstica, psicopatia, novas formas de proteção da infância, o que vemos é um debate surreal sobre se a lei permite ou não permite que a prisão dos executores seja decretada.

A esse respeito, vou deixar registrado, aqui, meu depoimento sobre uma situação vivida 15 anos atrás, quando eram passadas, de mão em mão, as assinaturas que vieram a tornar-se a primeira emenda popular da História do Brasil: aquela que inclui o homicídio qualificado entre os crimes hediondos, merecedores, portanto, de uma pena mais severa, e de uma estada maior atrás das grades.

Um dia, chegaram às minhas mãos mais de 500 assinaturas, vindas de um presídio do Rio. Achei logo que aquilo era armação para desmoralizar a campanha: como assim? estávamos pedindo endurecimento de pena, e os presidiários assinavam em massa a reinvindicação?

Pedi a um amigo, conhecido produtor, que fosse ao presídio. Ele foi. Voltou com a confirmação das assinaturas e um recado dos presos:

-diga a ela que fomos nós, sim. A gente vem pra cadeia de qualquer jeito, pelo menos agora os ricos vem também!

25 comentários:

Paty disse...

Glória,
Nem acreditei no que estava lendo... Surpreendente este relato mais uma vez. Os presidiários são mais organizados e inteligentes do que conseguimos imaginar, para o nosso azar.
Parabéns pela conquista da emenda popular, conseguida infelizmente através de uma tragédia na sua vida.
Sobre a diferença entre roubo de margarina ou crime hediondo, tudo é crime e deve ser punido com tal, com o rigor ajustado especificamente em cada caso. O que acontece é que andam tratando com mais rigor os crimes leves do que deveriam, e não conseguem (ou não querem) concentrar os esforços em problemas que realmente são merecedores de maior atenção.
E para finalizar, me desculpem os advogados (eu sou de uma família cheia deles), a justiça brasileira é uma marionete nas mãos de profissionais preparados para encontrar brechas nas leis.
É ridículo ver que já chegaram a este ponto da investigação no caso Nardoni, tantas provas reunidas, tantos fatos levantados e estes dois continuam soltos. Vamos ver até onde isso vai chegar...

LUNÁTICA disse...

Querida Glória,

O problema, que as nossas “leis” são horrorosas, não sendo adequadas à nossa realidade. A prisão do casal, já deveria ter sido feita, no momento em que foram à delegacia (com advogados) alegando sendo vítimas de um suposto assalto e este suposto teria tido a audácia em assaltar, agredir, asfixiar, jogar pela janela, limpar a cena do crime, telefonar para os familiares, fechar a porta com a chave sair “à surdina” sem ninguém ver? E ainda mais, depois de toda a dissimulação executada pelos dois, querendo acusar pessoas pobres e trabalhadoras? Que mais uma vez comprova a situação dos “p” – (pobre-pedreiro-porteiro)... Sem deixar que os familiares que tentaram a todo custo “desprezar” e confundir o trabalho feito pela perícia, policiais e envolvidos... Enfim, nem era para terem saído da prisão beneficiados pela liminar que os impediam de ficarem presos. Afinal, eles não cometeram um desentendimento no trânsito ou na fila do supermercado, do banco, mas, sim UMA ATROCIDADE, um crime bárbaro e que nenhum ser humano que tem suas competências neurológicas dentro dos conformes, consegue entender tamanha brutalidade, animosidade que cometeram neste bizarro crime.
Acho que deveria ser mais rigorosa a pena, de uma criatura que comete um crime igual ao que foi cometido por esse casal monstruoso.
Não ficar nessa “enrolação” de brecha da lei, isso ou aquilo.
A criatura agrediu, asfixiou, jogou da janela, não socorreu, estuprou, matou? É cana! Não importa o motivo, se foi ciúme, inveja, desentendimento, calote, imaturidade, sintoma de psicose... Já que ninguém tem o direito de matar ninguém. Errou? Vai pagar na prisão, não importa o tempo que foi, quando, onde e como...
E não tem que ficar enrolando para prender a criatura, tem indícios, prende e acabou. Tem que parar com essa demagogia, hipocrisia que a nossa sociedade tem, em beneficiar quem comete um crime, nestas e em outras proporções tem que ser penalizado de uma forma ou de outra. Não pode é deixar uma criatura desta viver em sociedade, pois, certamente, poderá fazer novamente (no caso de psicopatia)...
O pior que no Brasil, querer uma mudança nesse código penal que temos, é a mesma coisa, que falarem para a parede, NADA vai acontecer. A senhora mesmo, lutou, pegou uma enxurrada de assinaturas, ocorreram outros crimes, de assassinato brutais contra crianças, adolescentes, adultos...(Ives Otta, Liana Friendbach, Caffé (namorado dela), João Hélio, Pimenta Neves, pais da Suzane, médico Jorge Farah, o estudante que metralhou no shopping de SP, Priscila Belfort...
E mesmo depois de 15 anos, o que vemos? Está na mesma estaca que há quinze anos atrás...O pai do Ives tentou, da Liana, da jornalista morta pelo Pimenta Neves...
Nossos dirigentes são iguais às paredes, são poucos que não são “paredes”. Claro que todo mundo tem o seu direito, mas, direito de matar ninguém tem. Isso é poder de Deus e quando ele achar que deve tirar, só ele tem o dom para fazer isso. Nem médico tem o direito de matar o seu paciente quando está em estado terminal, sofrendo e mesmo sabendo que tem poucas horas de vida...
Quanto aos presídios, a população tem a idéia errada que os presídios são "confusos" e eles são organizados mais até que as próprias LEIS brasileiras, que infelizmente, são VERGONHOSAS, uma cuspida na cara do povo. Sem esquecer, que os presídios brasileiros, são vergonhosos também. Enfim no Brasil tudo é uma vergonha. Os presidiários têm suas regras, não tem essa de fazer ou não fazer. Independente se é “endinheirado” ou pobre ele tem que respeitar as regras, na cela e ai de quem não obedecer. Estão mais do que certo se na sociedade não são corretas as leis, no presídio as regras são e quem não obedece, é caixão e vela preta, se a criatura, é estuprador, matador de criança, psicopata principalmente, vai virar boneco arremessado do telhado na primeira rebelião que tiver.

Renata Rocha disse...

Felizmente neste caso, temos um excelente promotor, Francisco Cembranelli, que já conseguiu os colocar na cadeia.
Agora é torcer para que eles não saiam de lá até cumprirem toda a pena que for estabelecida.

catia almeida disse...

JUSTIÇA SEMPRE E PARA TODOS!!!
Bjs, Catia Almeida.

Black Snake Moan disse...

Glória, acredito que a história de sua filha te trouxe muitos ensinamentos e te fizeram a incrível escritora que é. Espero ansiosamente por uma nova novela sua, amei o CLone e ainda sinto saudades. Espero mais esmero desta vez, pois, achei o final de América parecido com algo que foi feito às pressas... Boa sorte e capricho, nos encante!

edson disse...

Gloria lembro como se fosse hoje na revista contigo vinha uma pagina com uma foto da daniella perez no fundo bem fraquinha com linhas para colher assinaturas,na epoca eu tinha 15 anos e saia atras de pessoas para assinarem, vizinhos, parentes e alunos do meu colegio aqui em santa catarina, onde mais tarde conheci meu grande amigo ricardo zanon outro apaixonado pelo dani, o tempo passou e fico muito orgulhoso de poder ter participado de uma campanha pra colocar de vez esses assassinos na cadeia, enquanto uma mae rouba margarina e fica presa, bandidos que matam as pessoas a tesouradas e jogam crianças de predio nao podem ficar andando em nosso convivio, o lugar deles e dormir no chão e pagar por tudo aqui na terra pra depois acertar as contas com a justiça divina que nunca falha, pela Dani tenho um amor de fã eterno que nunca acabara, e tenho o maior orgulho de escrever no blog de sua mãe guerreira que um dia terei a oportunidade de abraçar aquela que colocou no mundo a estrela de tv 'DANIELLA PEREZ'.Obrigado por tudo Gloria...

Flavio Praca disse...

Gloria.
Tive oportunidade de acompanhar o trabalho de uma grande amiga minha quando vivi em Florianópolis e que consiste em reeducaçao de presidiarios através do trabalho. O que voce relata no post confirmo absolutamente. Em modo geral, a cultura "là dentro" é pemeada de um senso de justiça muito mais forte que o nosso "aqui fora". Ou ao menos do senso que justiça sobre o qual està baseado nosso codigo penal. Impossivel falar de democracia no Brasil enquanto as coisas estiverem assim.
Um grande abraço.

geovanna disse...

Glória,eu li seus outros relatos sobre este crime bárbaro,e concordei com tudo o que você disse.E neste outro não foi diferente.Mas eu queria dizer mais uma coisa relacionada a imprensa:eu acho certo a imprensa de certa forma "pressionar" a justiça para a resolução do caso,como aconteceu no caso Richtolfem.Só que na minha opinião estão exagerando,principalmente nas primeiras semanas.Tudo bem que nós não tínhamos dúvidas de quem eram os assassinos,e a imprensa ajudou nisso,mas será que ela não está pensando na dor da mãe(e,infelizmente você sabe o que ela está sentindo),e dos familiares maternos,que me parecem estar sofrendo mais que os paternos,já que estes só pensam em provar a inocência do casal,que está clara que não existe.Temos que aplaudir,a dedicação do promotor Francisco Cembranelli,que está lutando veementemente para a resoluçao do caso.Mas,como tudo no Brasil,daqui a alguns meses o caso será esquecido,e possivelmente só sairá uma notinha no jornal dizendo que eles foram condenados e de quantos anos foi a pena,e,com certeza,não a cumprirão toda.Para mim,este casal deveria ficar preso na penitenciária máxima,onde estão os piores criminosos,como o Fernandinho Beiramar,Juan Carlos Abadia(outro que quis ficar no Brasil porque a justiça é branda),afinal de contas,criminoso é criminoso.Só falta o tal "pai" austríaco que manteu a filha presa por 24 anos,pedir pra vir pro Brasil ficar preso.Como diria Renato Russo:"Que país é este?".Beijos,querida.

antonia disse...

É verdade Glória a justiça nesse País se " faz" de cega, embora a estatueta vendada simbolize a cegueira sem distinção para que se cumpra a Lei.

Anônimo disse...

Glória,
Quanto à novela, seria que não daria para reciclar o elenco todo de "Desejo Proibido"? Brincadeira, eu sei não! Mas a verdade é que eles foram verdadeiramente maravilhosos! Mas será que alguém melhor no Brasil para fazer um homem romântico que Murilo Benício? Para fazer um homem atrapalhado que Nando Cunha? Para fazer uma mulher apaixonada que Fernanda Vasconcellhos? Para fazer um homem sábio e conselheiro que Marcos Caruso? Não esquecendo de mencionar os gloriosos Lima Duarte,Eva Wilma, Cláudio Marzo e Othon Bastos, e os surpreendentes José de Abreu, Cássio Gabus Mendes, Thaís Garayp, Roberto Bonfim, Emílio Orciollo Neto e Rodrigo Lombardi,e as grandes revelações como Aninha Lima, Grazielli Massafera e Fernanda Paes Leme, e todos outros! Acho que nunca vi elenco tão bom!

Beijos, Lúcia Guimarães.

Thassy disse...

Glória,
Parabéns pela luta ! Muitas pessoas, diante de acontecimentos tristes acabam deprimindo ou fugindo da realidade. Vc está o tempo todo em busca da Justiça não só pessoal, mas por um país melhor.

Ah, se todos os brasileiros fossem assim ...

Beijos e força sempre...

Thassy

jaqueline disse...

gloria
em q mundo nois estamos.
q a justiça seje feita.
adoro o seu trabalho.
parabens.
muita luz.
beijinhos

Anônimo disse...

Glória,
E agora o presidente e todas as autoridades se manifestando contra o resultado do julgamento da missionária americana. O que se pode esperar da justiça de um país que acha normal deixar na rua pais que esganam filhos e jogam pela janela?
Marcos

REGINA disse...

Glória
Será que nunca vai existir mudanças das leis?, prisão perpétua para assassinos?, não me conformo com isso, Paula e Guilherme soltos, sem ficha criminal, reconstruiram suas vidas, e dia após dia vemos as mesmas coisas, como esse assassinato bárbaro da pequena Isabella.
ficamos revoltados, tristes, mas nada muda?
Até quando?
um grande abraço
Fique com Deus

Karina Assemany disse...

GLÓRIA PRECISAMOS DE VOCÊ!

Não aguentaremos outra vez ver réus confessos ou não livres como se nada tivessem feito...

... vida longa ou curta pouco importa... todos nós morreremos mesmo... mas o que importa é a verdade a Justiça e a grandiosidade do espirito e a sua missão, coisas que as vezes cem anos não dá as essas pessoas que acham que matando serão e terão mais que a vítima...

Nos ajude por favor, precisamos de você, sempre tem idéias maravilhosas... você é iluminada e tenho certeza que pensará em algo...

Um feliz dia das mães, sei que sempre faltará um pedaço, mas você é uma mãe especial... a dor faz parte da vida e por vezes nos leva a algo muito maior que é o nosso crescimento amadurecimento como ser humano e a missão de levar aos outros A JUSTIÇA... o esclarecimento... a LUZ...

... E NO CORAÇÃO A CERTEZA DO AMOR E DA VINDA DE UMA VIDA CURTA MAIS TÃO BELA GRANDIOSA E FELIZ!!

BJS SINCEROS E CARINHOSOS DE,

Karina, mãe da Victoria de 6 anos

Claudia Guedes disse...

Oi, Glória!!!!!!!!!!

Realmente fiquei indignada a bárbaridade que foi esse crime da Isabella , na hora lembrei do caso da sua filha Daniella que foi morta há 15 anos , só acho que você como mãe devia dar uma força , uma assistência a mãe da Isabella , que está sentindo a mesma dor que vc sentiu quando a sua filha .

Agora, você tudo , viu ? Por que uma pessoa pobre que rouba um pote de margarina no supermecado , vai presa , enquanto uma pessoa que tem um nivel superior , vai para uma cela e ainda tem proteção privilegiada ? Isso tem mudar . Só espero que a justiça seja feita !

Beijos !
Claudia .

Ricardo Zanon disse...

Gloria

Este seu relato só faz confirmar a impunidade que impera em nosso país. Até mesmo os presos apóiam penas mais duras. Espero que neste caso da menina Isabella, a justiça seja feita!
Beijos

Izabel disse...

As pessoas são presas por roubarem (pelo ato) não pelo que roubaram. O valor do roubo não importa para a justiça. Roubar é crime. Quando há o flagante vem a prisão. Não havendo são necessárias as provas.
Apenas suspeitas não são suficientes. Ou fazemos as coisas certas ou voltamos à ditadura.

giovanna disse...

A justiça no Brasil tem que ser para todos.
è um absurdo o Pimenta Neves estar solto mesmo depois de condenado.
E o monstro que assassinou a Dani ficar só 6 anos preso é outro absurdo.

Greice disse...

olá glória,
tenho 20 anos e mãe,e fiquei sabendo que tinha escrito sobre o caso isabela hoje assistindo o programa da olga,fiquei muito intereçada em ler e acho que sua indignação é a mesma de todos os brasileiros sadios fisicamente e mentalmente,também achei intereçante oque você relatou sobre os presos do caso de sua filha,lembro como se fosse hoje da movimentação e da repercurção que teve a morte da daniel,eu era muito jovem sei disso,mas era muito fã dela também,chorei muito quando fiquei sabendo que existia pessoas tão más a este ponto.
bem,acho que já disse tudo que eu queria,mas principalmente quero te dizer que admiro tua força e garra
e sei que é por mulheres como você que hoje todas nós conquistamos muitos espaços na sociedade!

espero que Ana Carolina Oliveira tenha esta mesma garra e coloque estes dois assacino frios e calculistas na cadeia!

Lilás disse...

Glória,
Vou lhe dizer uma coisa: tô muito decepcionada com tudo que vejo hoje em dia neste país.
Não sou nenhuma velhinha, tampouco mal-informada ou ultrapassada, mas não é possível que os governantes, sai um entra outro, não tome uma decisão para mudar este e outros quadros caóticos no Brasil.
Decididamente este não é um país sério, como já disseram há muito tempo!
Abraços.

Anônimo disse...

MUITO CONVENIENTE ESTA ANTIPATIA CARCERARIA AO CASAL NARDONI.
ESTA CRISTALINO E LIMPIDO QUE A DEFESA DE ALGUMA FORMA SE EMPENHOU PARA TAMANHA EVOLTA CARCERARIA.
ASSIM, HA FUNDAMENTOS PARA A SOLTURA, CONSIDERANDO A AMEAÇA A INTEGRIDADE FISICA E PSICOLOGICA, E SAO PAULO NAO CONTENDO LOCAL PARA ALOJA-LOS, SERA IMPOSTA PRISAO DOMICILIAR. QUEREM APOSTAR!!!!

Andrea bento disse...

GLORIA, EU ACOMPANHEI O CASO DA DANI, AINDA NAO TINHA INGRESSADO NA FACULDADE DE DIREITO, MAS AGORA EU ENTENDENDO DIGO, QUE A SUA LUTA NAO FOI EM VAO, TODAVIA DIA 29 DE MARÇO DESTE ANO, O CONGRESSO POSITIVOU A PROGRESSAO DO REGIME DO CUMPRIMENTO DE PENA, AQUELE QUE ERA INTEGRALMENTE FECHADO AOS CRIMES HEDIONDOS, LEMBRA? AGORA, SUA LUTA NAO PODE SER APROVEITADO PARA CASO DOS ASSASSINOS DE SUA MENINA, POIS SE TRATAVA DE DIREITO MATERIAL, A INCLUSAO DO HOMICIDIO QUALIFICADO NO ROL DOS CRIMES HEDIONDOS. NO CASO ISABELLA, SE NOSSOS DEPUTADOS APROVASSEM A CUSTODIA PREVENTIVA PARA TODOS OS CRIMES, AO MENOS CONSUMADOS, CONTRA VIDA, INDEPENDENTE DA PRISAO EM FLAGRANTE, POR SE TRATAR DE MATERIA PROCESSUAL, O CASAL NARDONI NAO SERIA ABENÇOADO, HAVERIA IN DUBIO PRO SOCIETA.
BASTA VONTADE POLITICA, ENQUANTO ISTO..... QUEREM PROIBIR O FUNK CARIOCA, NAO DESMERECENDO A MATERIA, MAS TEMOS ASSUNTOS MAIS IMPORTANTE EM PAUTA, CONCORDA COM A MINHA POSIÇÃO?
OPORTUNAMENTE, DEIXO OUTRO PROTESTO, E POR ELE NAO QUERO QUE A SRA. NAO O VEICULE.
A REDE GLOBO É ELITISTA ATE A RAIZ. FOSSEM OS ACUSADOS, AGORA REUS POBRES, E NAO TENDO DEFENSORES 24 HORAS, EU DUVIDO, REPITO D U V I D O, QUE OS TRATARIAM COM O PRINCIPIO DE INOCENCIA.
CHEGUEI A FICAR COM NOJO, EXTREMAMENTE INDIGNADA COM TAMANHA PREVARICAÇÃO E PROTECIONISMO QUE OS NARDONI ENCONTRARAM NESTA EMISSORA TELEVISIVA.
RESTA-ME PROTESTAR E DEMONSTRAR QUE O POVO BRASILEIRO, EMBORA DE POUCO NIVEL CULTURAL, É DE DOTADO DE EXTREMA SENSIBILIDADE E BOM SENSO.
FICA AQUI A MINHA CONSIDERAÇÃO, POR QUE COMO A SRA., TAMBEM SOU MAE, E NAO TENHA ESTE DESABAFO COMO PESSOAL, AO CONTRARIO, DEIXO MINHA SINCERA ADMIRAÇÃO PELO SEU TRABALHO, LUTA, CONVICÇÃO E SOBRETUDO DIGNIDADE. REPITO, EU NAO PODERIA DEIXAR PASSAR EM BRANCAS PAGINAS, A MUITO VENHO PERDENDO A CONFIABILIDADE E AMISTOSIDADE EM RELAÇÃO A GLOBO.

Fabiano Costa Figueiredo disse...

Os presidiários estavam meio equivocados, embora bem intencionados. Prova disso é que o canalha do Sérgio Naya(responsável pela morte de várias pessoas) está solto e completamente impune. A causa? Não foi punido porque é muito rico. Infelizmente, cadeia no Brasil continua sendo só para pobre.

conceição disse...

Boa noite, Gloria.


Não sei se já tem conhecimento, da materia ridicula, da revista Época,entrevistando Ana Carolina Jatobá, acho que foi matéria paga, Pelos Arrogantes Nardoni.mesmo jornalista que ¨Chamou a Paula Tomaz de Cidadan". Inclusive, falando que a Justiça Já pensa em libertar o casal, no proximo dia 10/06 quando será julgado o Merito do HC. Será que a justiça vai dá ouvidos aquele Senhor que se diz aprendiz de perito? Se for, sinceramente estamos perdidos. Um forte abraço, Gloria, se poder fale algo sobre essa materia da revista Época.