sábado, 21 de fevereiro de 2009

no tempo das vedetes

Achei no You Tube essa preciosidade: Virginia Lane cantando Sassaricando, lá pelos idos de 1952!

Encontrei Virginia Lane uns poucos anos atrás, éramos juradas do Miss Rio de Janeiro gay. Falando sobre os seus tempos aureos de vedete, ela contou para o grupo como suas pernas continuavam lindas: disse e provou!

A coreografia ingenua devia ser ousada praqueles tempos!

7 comentários:

Anônimo disse...

Virginia Lane, linda mulher, lindas pernas.
Gloria, com certeza você irá postar fotos do carnaval, né?
Não espere as revistas publicarem primeiro!
Beijão ...
Eliana.
mariaortizdamiao@superig.com.br

Artes da Marga disse...

Oi! Pudemos assistir ontem a Índia retratada através da Escola Pérola Negra. Juliana Alves estava lá, linda. Conto com você para continuar colocando o Daniel na sua história. Ele precisa de você para mostrar o talento e seguir sua carreira adiante. É um menino novo e cheio de sonhos. Ajude-o a realizá-los já que ele é bom e está na batalha. Penso que quando o Dr Castanho aparece na clínica, as pessoas já ficam na esperança de que o estagiário vá aparecer. Não perco sua novela por nada.
Um abraço
Margarida

Pais aflitos disse...

Mais importante que as lindíssimas pernas da Virginia Lane...
...
COD.PENAL 331 contra o Direito de Espernear.

Existe tudo bonitinho na Constituição Federal, que temos o direito de opinião e expressão... Até a criança e adolescente ganhou o direito de opinião e expressão e o direito de ser respeitado por seus educadores... A criança e adolescente foi trasformada em sujeito de direitos e deveres... Mas, na verdade, só lhes são exigidos os deveres.
Aí vem uma lei usadíssima em toda escola pública... uma lei que "derruba" todas as outras leis que garantem ao cidadão o "juris esperneandis"... E vem a famigerada frase colocada em todas as escolas:
Art. 331 - Desacatar funcionário público no exercício da função ou em razão dela:
Pena - detenção, de 6 (seis) meses a 2 (dois) anos, ou multa
(Código Penal, decreto lei nº 2848 de 1940)

Nas escolas públicas, o cidadão tem que acatar abusos de toda ordem... Não tem Cristo que convença as autoridades de que, na função do funcionário de escola pública, não está garantido que ele tem que gritar com os pais e alunos e que não precisa cumprir sua obrigação...
Com essa "lei", qualquer crítica a professor ou direor foi trasformada em "Crime de Lesa Magestade". O funcionário da escola pode tudo... os pais e alunos não podem nada.

Em São Paulo, a polícia militar é, com frequência, chamada pela escola para autuar os pais ou alunos que não querem acatar ordem absurda, ou que reagem ao desrespeito na mesma proporção.
Na última sexta-feira (20/02), um pai esclarecido quase foi preso. Ele é membro da Executiva do Forum em Defesa dos Direitos de Criança e Adolescente do Marsilac; e foi surpreendido com um monte de policiais chamados pela direção da Escola Estadual Homero Vaz do Amaral. O pai, que também é funcionário público, contestava a irregularidade do Conselho dessa escola.
Tudo errado, tudo ilegal e irregular.
Como a direção escolar nunca é cobrada, a diretora chamou a Ronda Escolar, que veio com reforço policial para prender o pai que questionava um direito líquido e certo.
Conta o pai, que a diretora se alterava e não respondia ao questionamentos dele. Quando ele viu aquele monte de policia entrando ele se assustou. Achou que tinha algum bandido escondido na escola ou algo assim para justificar aquele monte de policia.
Logo percebeu que era com ele, quando um sargento se dirige e ele e pergunta o que ele estava aprontando...
Em se tratando de um pai esclarecido ele não se apavorou com os policiais e explicou que se havia algum tipo de crime não era ele que estava cometendo.
Agora imaginem,um pai simples ou mãe de periferia que a diretora chame um monte de policia para eles. A diretora diz que foi desacata. É CANA DURA ?
E chamam toda hora....
Não temos policiais suficientes para atender a população, mas para atender o chamado de uma diretora de escola é em questão de segundos.
Assim vai essa lei do Desacato, desacatando todo direito que tem o povo brasileiro de espernear.
Nem se consegue convencer as professoras e diretoras e demais funcionário da escola que elas tem também o dever de tratar as pessoas com urbanidade e respeito.Que ofender pais e alunos. Que dar uma aula mediocre e outras violencias mais, não é estar no exercício de sua função nem em razão dela.
A lei do Descato artigo 331 é o que se pode chamar de LEI DA MORDAÇA.
Um lei que e uma excrecencia e o Dr Helio Bicudo já se pronunciou contra ela várias vêzes, mas como ela é aplicada sempre contra o pequeno e o pobre ela vai ficando.
Essa é a lei do mais forte.

Fabiano disse...

Virgínia Lane foi amante do Getúlio Vargas, não foi? Ela também já chegou a afirmar que o Presidente Vargas na verdade foi assassinado(e não suicidou-se) e negocia com um advogado escrever um livro acerca de sua versão para agosto de 54. Um livro que pode dar o que falar, como deram suas lindíssimas pernas!

Romário Jr. disse...

Olá Glória,
Meu nome é Romário e junto com a minha mulher, a Anna, fazemos o blog Moda de Novela. Ela, que é profissional de moda, cuida da parte artística e eu carrego o piano.
Há tempo ensaio este pedido e antes que seja tarde demais venho fazê-lo: gostaríamos de postas no nosso blog alguns croquis que a personagem Inês tanto mostra de relance quando diz que está preparando seu desfile, identificamos nos relatórios de pesquisa Google Analytics que tem bastante procura quando isso acontece, acredito que possamos fazer um bom trabalho de promoção para o desfile da Inês - mesmo que hipoteticamente - haja vista que temos uma boa audiência em constante crescimento e mais de 700 assinantes que recebem diariamente nossas atualizações por e-mail, exclusivamente interessados nos figurinos das novelas da Globo.
Já pensou a Inês falando "meu desfile será um sucesso, mesmo antes de acontecer os meus modelitos já estão bombando no blog Moda de Novela"? Eu penso, hehehe...

Yra doce. disse...

Saudades da Virginia Lane,que conheci no anos 1980.

Minha mãe falava muito dela.

Foram amigas.

Paulo: meus textos disse...

Olá tudo bem Glória , só quero dizer que sempre gostava de assisti novelas, meu maior sonho era ator quando criança, mas a vida não me fez ter sorte . Sempre ficava me imaginando fazndo qualquer coisa parecida , era o meu maior sonho.
O tempo passou a frustação chegou. Me lembro até o dia em que sua filha se foi , me deu um apeto no coração , pois ela era tão bonita.
Pois é o tempo passou e perdi aquela gosto , fantasia e tudo que eu admirava pelas novelas.
Acho que nem gosto mais. Mas fazer o que né , te desejo felicidades e muita sorte , espero que seus caminhos sempre se luminem. Que Deus sempre te conforte, pois não foi facil pra vc. Beijos. Ah sou de fortaleza , tenho 30 anos.